Fale Conosco

Roteiro Urgente

Roteiro Urgente

Corpos de vítimas de acidente com ônibus em MG chegam a Alagoas para sepultamento

Principais Noticias

Corpos de vítimas de acidente com ônibus em MG chegam a Alagoas para sepultamento

FONTE: https://g1.globo.com/al/alagoas/noticia/2020/12/07/corpos-de-vitimas-de-acidente-com-onibus-em-mg-chegam-a-alagoas-para-sepultamento.ghtml

Dos 19 corpos, 14 foram trazidos para as cidades de origem das vítimas, quatro foram levados para SP e um foi retirado do IML pela família.

Os corpos de 14 das 19 vítimas que morreram na queda do ônibus de um viaduto na BR-381, em João Monlevade, em Minas Gerais, chegaram a Alagoas no início da noite desta segunda-feira (7). Eles foram levados de Belo Horizonte para Paulo Afonso (BA) em um avião da Força Área Brasileira (FAB) e de lá seguiram para cidades alagoanas em veículos do Corpo de Bombeiros.

O avião C-130 da FAB decolou às 12h51 do Aeroporto da Pampulha, na capital mineira, e seguiu com as vítimas até a cidade baiana que faz divisa com Alagoas. O traslado para as cidades de Água Branca, Delmiro Gouveia, Mata Grande e Pariconha, onde moram parentes das vítimas, aconteceu por volta das 17 horas.

A primeira parada do comboio, composto também por uma ambulância do Serviço Móvel de Atendimento de Urgência (Samu), aconteceu em Delmiro Gouveia.

Diversas pessoas aguardavam a chegada dos corpos. Depois, os militares seguiram viagem pelo Sertão alagoano para as demais cidades.

A parada seguinte foi no município de Pariconha, onde moravam três vítimas do acidente.

Em Água Branca os caixões foram levados para o ginásio da cidade. Cinco corpos foram velados de forma coletiva e outro seguiu para a casa de parentes, na zona rural da cidade. Várias pessoas, entre familiares e amigos, estiveram no local para se despedir das vítimas. Uma equipe da secretaria de Saúde do município fez o controle na entrada do ginásio para evitar aglomeração e exigir o uso de máscaras.

O roteiro foi finalizado na cidade de Mata Grande, onde o comboio se desfez. A prefeitura da cidade disponibilizou o ginásio municipal para a realização do velório das vítimas.

Quatro corpos foram levados para São Paulo pela polícia e um outro foi retirado do Instituto Médico Legal (IML) André Roquete, em Belo Horizonte, pela própria família.

O ônibus da empresa Localima Turismo saiu de um povoado na zona rural de Mata Grande, em Alagoas, na manhã de quinta-feira (3) e ia para São Paulo (SP). A principal suspeita da causa do acidente é de falha no freio do veículo. Além dos 19 mortos, 27 pessoas ficaram feridas.

Clique Para Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook

To Top